10 de janeiro de 2018

[K-Drama] Age of Youth

Voltei com a última resenha pendente que eu tinha pra fazer. Sei que demorou, e eu queria na verdade fazer um post especial/diferente para o primeiro post de 2018, mas não rolou. Na verdade, essas coisas nunca rolam mesmo e eu meio que já me acostumei com o ritmo das coisas.

Image result for age of youth poster

Título: Age of Youth / Hello, My Twenties (청춘시대)
Episódios: 12
Ano/BN: JTBC / 2016

Eu queria dizer antes de tudo, que não estava esperando grande coisa de Age of Youth, porque eu sinceramente pensava que o drama era aqueles fraquinhos onde eles abordam a amizade feminina de forma clichêzenta, ou que o drama seria fraco.
Aí vi uma resenha da Manu do Coreanices, falando que na verdade o drama quebra padrões e tabus, fui na Netflix e vi que só tinha 12 episódios, aproveitei que queria ver algo mais leve ou de romance após Remember, e foi então que decidi pegar pra ver mesmo.
Ufa. Ainda bem que resolvi assistir.

Image result for age of youth poster

Minha Sinopse
Cinco garotas completamente diferentes dividem uma pensão chamada Belle Epoque, onde o dia-a-dia de cada uma começa a mudar, quando uma das meninas afirma poder ver fantasmas.

Personagens
Yoo Eun Jae (Park Hye Soo): a mais nova moradora da casa é toda tímida e fala pouco. É extremamente fofa, estudiosa e tem dificuldades para expressar suas opiniões. 
Achei a atriz uma gracinha. No primeiro episódio, eu achei que a personagem seria bobinha ou fraquinha, mas ela me surpreendeu bastante.

Image result for age of youth eun jae

Song Ji Won (Park Eun Bin): a mais falante e doidinha de todas. Sempre fazia as pessoas rirem e não importava a situação, ela sempre sabia como se divertir e fazer a atmosfera ruim ir embora. Até nas situações sérias a menina me fez rir, hahahaha
Amei a atriz e achei ela muito fofa com o tipo de cabelo que está no drama (sei que na continuação o cabelo dela está comprido); informação extra, lol

Related image

Jung Ye Eun (Han Seung Yeon - Kara): a "patricinha" do grupo. Ela sempre está vestindo roupas fofas, em sua maioria na cor rosa, além de sempre estar toda arrumadinha e, infelizmente, viver correndo atrás do namorado chato... Apesar do jeito dela, foi uma das meninas que eu mais gostei, uma das que mais evoluiu durante o drama inteiro, sério.

Related image

Yoon Jin Myung (Han Ye Ri): a mais velha das garotas tem uma vida sofrida. Ela tem 3 empregos e quase nem dorme direito por tentar conciliar o trabalho com a faculdade, e apesar de ser meio quieta, ela era um amorzinho de pessoa. Me identifiquei com ela em vááários aspectos (foi nas cenas dela que eu mais chorei também).

Image result for age of youth

Kang Yi Na (Ryu HwaYoung): uma garota riquinha que esconde um grande segredo... Ou talvez sejam dois grandes segredos...? Foi uma personagem extremamente interessante com sua personalidade "atrevida" e que simplesmente fazia o que queria.
Amei a atriz e já quero ver todos os outros dramas que ela fez (além de achar a semelhança com a Park Shin Hye incrível. Dava até medo em algumas cenas...)!

Image result for age of youth


A Amizade + Aprovação no Teste de Bechdel
Não sei quantos sabem da existência do teste mencionado acima, mas basicamente, é um teste para avaliar se um filme/série/drama/qualquer produção faz bom uso de personagens femininas, com as seguintes regras: 1- ter duas personagens femininas com nome; 2- elas devem conversar entre si (normalmente, sem brigas) e 3- o assunto não pode ser sobre homens.
E Age of Youth passou com louvor nesse teste (graças a Deus).
O drama fala sim sobre meninos, cada uma das garotas gosta de um carinha ou tem envolvimento com um homem, mas mais do que isso, a temática da novela é a amizade entre elas.
Todos os problemas e situações engraçadas que elas se envolvem, as soluções, as festas, os conselhos, as conversas ao redor da mesa da cozinha... Tudo colaborou para o drama ser um dos melhores no quesito "amizade". No geral mesmo.
Me atrevo até a dizer aqui que depois de ver o drama, eu fiquei repensando nas minhas próprias amizades...




Xô Clichê
Ao ler a sinopse de Age of Youth você não diz que será algo mais que um draminha bobo "de menina" sobre meninas que têm problemas com garotos e tals. Grande engano, amigo.
O drama fala sim sobre o dia-a-dia das garotas, suas vidas particulares e em conjunto, mas pode te surpreender tanto...!
Fazia tempo que eu não gostava tanto assim de um drama "real" sobre assuntos comuns. Desde a personalidade das garotas, até os mínimos detalhes de suas vidas, dá pra gente se identificar!
Nada de clichê ruim aqui!!

   
   

O Diferencial
A grande questão do drama é que: vários assuntos tabus são abordados. Desde sexualidade, menstruação e segredos obscuros, até abuso e agressão. Coisas que a gente não está acostumado a ver nos dramas, são tratados com tanta naturalidade e eu fiquei tão feliz, porque eles precisam mesmo serem falados!
São coisas tão comuns de todas as pessoas, mas ninguém quer falar sobre isso. E Age of Youth trouxe esses assuntos de uma forma tão maravilhosa...
É aquele tipo de drama que só tem 12 episódios, mas que a gente poderia ver uns 50, de tão bom que é! #sddsjá

   
   

Músicas
Diferente da maioria dos dramas - novamente -, a Ost de Age of Youth é composta em sua maioria de canções a-pop indies (um dos gêneros que mais me agrada, aliás). Você pode encontrá-la completa no spotify, mas vou colocar aqui apenas as minha queridinhas (mas todas são ótimas!), ok?

On Your Collarbone - Jordan Klassen
A melodia dessa música é linda e dava uma paz no coração quando tocava... Sempre no fim dos episódios, se não me engano.


Toodoo - The Tellers
Outra com uma melodia liiiinda! Esse toquinho já me faz lembrar do drama logo de cara, das cenas, das meninas, de tudo! Maravilhosa!!


Dick & Jane - Sidney York
A música da abertura. Toda animadinha, me dava vontade de sair dançando quando ela tocava. Eu ate decorei o refrão...


Pontos Negativos
Como todos sabem, o drama foi um dos raros que teve sua segunda temporada, então o final não ficou fechadinho por conta de uma coisa só que eu espero descobrir na segunda temporada!, mas tirando isso, tudo foi incrível. Todas as histórias foram contadas com um ponto-e-vírgula, com espaço para o telespectador tirar suas próprias conclusões e tentar entender as soluções por conta própria também (porque como vocês sabem, o cinema/TV coreano(a) não tem o costume de explicar tudo tim-tim por tim-tim).
Um drama pra re-assistir várias vezes, inclusive pra maratonar com as amigas!

Classificação: ***** (maravilhoso)


Por hoje é só.
Já assistiu Age of Youth e amou também?? Me conta nos comentários!!

4 de janeiro de 2018

[K-Drama] Remember (War of the Son)

Assisti esse drama por ser o drama grátis do mês de dezembro (quem não é premium tem que aproveitar essas oportunidades, né?), e por conta de várias resenhas positivas pela internet, o drama entrou pra minha lista de assistidos e acabei gostando bastante!

Image result for remember war of the son poster

Título: Remember [War of the Son] (리멤버)
Episódios: 20
Ano/BN: 2015-2016 / SBS

 Related image

Minha Sinopse
Jin Woo é um jovem com uma habilidade impressionante que o permite lembrar de tudo, mesmo que tenha visto ou vivido tal coisa apenas uma vez. Um dia, seu pai, que sofre de alzheimer, é acusado injustamente de estupro e assassinato e para defendê-lo, Jin Woo se torna advogado. No meio de tanta injustiça e inimigos poderosos, o jovem se depara com um terrível diagnóstico: a mesma doença que seu pai.

Personagens
Seo Jin Woo (Yoo Seung Ho): o menino Jin Woo que sofre o drama inteiro. Ele tem uma habilidade incrível (coisa que eu gostaria muito de ter, porque minha memória não é das melhores) e um senso de justiça impecável. Foi o primeiro drama com o ator que eu assisti, mas já fiquei sabendo que ele é um queridinho (e que inclusive tá fazendo drama sem parar, desde o ano passado!).

Related image

Lee In A (Park Min Young): a noona que acaba conhecendo o Jin Woo numa situação inusitada, e decide ficar ao seu lado. Ela se torna promotora para acabar com casos injustiçados no país, e com sua personalidade decidida, dispensa até seus próprios sonhos para ajudar o Jin Woo.
A Park Min Young é uma atriz queridinha minha (tem vários elogios á ela na minha resenha de Healer), e confesso que 80% do motivo por eu ter visto esse drama foi por causa dela (que atuou lindamente, como sempre).

Image result for remember war of the son poster

Park Dong Ho (Park Sung Woong): o advogado que sempre ganha! Ele usa ternos coloridos e está sempre impecável, além de ter um jeito de falar engraçadíssimo. Cria empatia por Jin Woo quando descobre sua situação, mas as coisas começam a ficar feias para o lado dele, quando se vê indo na contramão da situação em que se encontra.
Eu achei o ator maravilhoso. Tô doida pra ver outros dramas com ele. Sobre a personagem, confesso que fiquei um pé atrás com ele em boa parte do drama, mas no geral, foi alguém que eu gostei sim.

Image result for remember war of the son park dong ho

Nam Gyu Man (Namkoong Min): o riquinho que acha o mundo gira em torno da vontade dele, e que acha que o dinheiro compra tudo e todos (e cá entre nós, meio que pode mesmo). Foi um vilão que me fez passar raiva, me fez rir (sim, acredite!) e que nos fim das contas, foi aquele tipo de vilão que eu comentei na resenha de MLFTS: um vilão "na medida certa" não sei explicar skapkspa
Também foi meu primeiro drama com o ator e sinceramente? Eu amei ele!! Já sigo no instagram e ele é um amorzinho de pessoa! Virou bff do parceiro de telinha do drama (o Lee Si Eon, que também fez 'Reply 1997'!!) e de todo o elenco, além de levar o prêmio de melhor ator em duas premiações! ♥

Image result for remember war of the son nam goong min


A Temática
Sou suspeita pra falar, porque um dos meus gêneros preferidos (senão 'O' preferido) seja ação/policial/mistério/investigação (tá tudo junto). A história de 'Remember' conseguiu misturar tudo isso que eu falei aí em cima, além de sobrar um espacinho (minúsculo) para o romance.
A premissa do menino com hipertimesia e que vira o advogado do próprio pai, foi algo que me instigou ainda mais a querer acompanhar o drama (não encontramos esse tipo de história por aí).

   
   
   
   

O Ritmo
A partir do final do primeiro episódio, a trama não para até chegar o fim. É uma coisa atrás da outra, sem tempo pra você respirar e se adaptar ao contexto do episódio x, porque logo em seguida já acontece outra coisa pra prender o telespectador.
Normalmente eu acharia isso meio ruim num drama (num filme não, porque tem no máximo 2 horas), porque cada episódio tem cerca de 1 hora e 10, 20 minutos. Então ficar nesse ritmo de perseguição e sessões de julgamento sem parar durante várias horas pode ser cansativo. Mas ao mesmo tempo, por ser um drama de 20 episódios, achei legal que em nenhum momento dá vontade de desistir de assistir (não sei se é só comigo que acontece isso, mas ás vezes quando vejo que o drama tem mais de 16 episódios eu fico tentada a não assistir com medo do negócio virar uma enrolação sem fim).

   

   

Fortes Emoções
Todo o sofrimento pelo qual o Jin Woo passa desde o primeiro episódio, é algo muito forte. Todas as perdas que ele já sofreu e agora com a injustiça e corrupção da lei em cima de sua família, me fizeram derramar algumas lágrimas.
E quando eu contei, por cima, a história pra minha irmã (com spoilers), o comentário dela foi: "Ai credo, que triste! Por que você assiste essas coisas?!".
Além das emoções citadas acima, também temos os momentos infelizes com a memória super incrível do Jin Woo se esvaindo, por conta do alzheimer. É de partir o coração.


   
   


Música
Cuz I Could Say I Love You - Bobby Kim
A Ost é cheia de músicas tristes, pra combinar com o estilo melodrama mesmo, então coloquei aqui só essa do Bobby Kim, que foi a que eu mais lembro de ter escutado no decorrer dos episódios.



Pontos Negativos
Ao meu ver, Remember conseguiu fechar todos os pontos e todas as histórias de forma redondinha. Todas as coisas erradas foram resolvidas, e até as situações "simples" tiveram um ponto final. Em relação ao futuro das personagens, fica ao telespectador adivinhar como será a vida de cada um, a partir do fim, e apesar de ter ficado confusa com apenas um detalhe dos últimos minutos do drama, depois de pensar bastante eu acho que compreendi e percebi que gostei disso também.

Classificação: **** (ótimo)


Quem aí também já assistiu 'Remember' e chorou pacas?? Me conta nos comentários!
Bjs e até o próximo post!

2 de janeiro de 2018

[K-Drama] Reply 1994

Como prometido, a "segunda parte" da série dos Replys: Reply 1994.
Comecei a assistir esse drama obviamente por causa do anterior (não sei se posso dizer "anterior", porque não é uma continuação), e porque estava disponível na Netflix (além do fato de eu querer assistir faz tempo).

Image result for reply 1994

Eu gostaria muito de dizer que 'Reply 1994' foi tão bom quanto seu antecessor, mas infelizmente eu estaria mentindo se escrevesse. Longe de mim dizer que o drama foi ruim; pelo contrário, em vááários momentos eu me peguei presa na história e surtando pelos plots. Mas não sei se foi a quantidade de episódios desnecessária que causou o efeito "não tem mais o que falar nesse drama", ou o relacionamento das personagens entre si e com o telespectador que me fizeram dar uma nota mais baixa para o drama...

Título: Reply 1994 / Answer Me 1994 (응답하라 1994)
Episódios: 21
Ano/BN: 2013 / tvN

Image result for reply 1994 poster

Minha Sinopse
Um grupo de jovens na faixa de seus 20 anos acabam criando laços entre si quando todos eles vão morar numa pensão, para frequentar a faculdade. Os dilemas do dia-a-dia e os relacionamentos amorosos e familiares de cada um é exposto pouco a pouco, enquanto eles relembram seus melhores anos ao assistir um vídeo de um casamento.

Personagens
Sung Na Jung (Go A Ra): uma garota de personalidade forte e que sabe o que quer. Ela não liga para os que os outros pensam dela, e ao mesmo tempo é uma menina gentil. Ela sofreu um pouquinho durante o drama, mas não se deixava abalar pelas situações ruins pelas quais passava, além de sempre ter uma lição de moral pra dar pra algum de seus amigos, hahaha.
A única coisa que eu não gostei mas ao mesmo tempo gostei (rsrsrs) foi o cabelo da atriz. Meu Deus. Devia dar um trabalhão pro pessoal da staff deixar o cabelo dela daquele jeito. Ele foi melhorando no decorrer do drama, e apesar de reclamar aqui, eu devo dizer que achei ótimo o diferencial da protagonista perfeitinha e bonitinha.

Image result for reply 1994 na jung

Sseureki/Lixo (Jung Woo): o cara tem esse apelido pelo simples motivo de: ele é um porco. Bagunceiro e sem muito cuidados com tudo, o cara cursa medicina (e é bom nisso) e foi responsável por grande parte da comédia do drama (se bem que atribuir os créditos da comédia do drama inteiro á uma pessoa na verdade é meio relativo).

Image result for reply 1994

Chilbongi (Yoo Yeon Seok): o craque do beisebol e uma gracinha de menino (quando que aparece um desses na nossa vida, genteee???). No começo do drama você acha que ele tem um tipo de personalidade, e conforme vai conhecendo melhor a personagem, percebe que ele tem muito mais á acrescentar.

Image result for reply 1994

Samchunpo (Kim Sung Kyun): o caipira (lol) que passa o primeiro episódio do drama todinho perdido em Seoul kkkk Ele tem cara de bem mais velho para a sua idade, e interiormente parece ter apenas uns 15 anos... Algumas das lições aprendidas com o drama vieram dele, o que eu achei bem legal.

Image result for reply 1994

Jo Yoon Jin (Do Hee - TINY-G): a fã louca pelo grupo 'Seo Taiji and Boys', que faz de tudo para ver/ter algo deles (inclusive até invadir a casa do vocalista!!). No começo a Yoon Jin é uma garota extrovertida, meio alienada e quieta. Mas as coisas mudam drasticamente na segunda parte do drama, mais ou menos, com a evolução da personagem (apesar de ela ter um péssimo hábito, na minha opinião!).

Image result for reply 1994

Haitai (Son Ho Jun): o engraçadão do grupo. Sempre fala besteira, sempre correndo atrás de alguma menina, sempre fazendo gracinha, o cara ganhou o apelido (por mim, off no drama) de "mood maker" entre os migos. O cabelo dele era o mais engraçado, e foi uma das personagens que eu mais gostei no drama!

Image result for reply 1994 son ho joon

Binggeure (Baro - B1A4): o mocinho tímido, que trancou a faculdade de medicina escondido dos pais. Ele fala pouco, mas se importa bastante com os amigos e com o sunbae, o Lixo. Foi o primeiro papel de ator do Baro, se não me engano, e acho que ele foi muito bem. Mal posso esperar pra ver outro drama com o meu bias do B1A4 :3

Image result for reply 1994


Os Plots
Em 'Reply 199' temos mais personagens que no 'Reply 1997', então temos mais histórias também, consequentemente. E os roteiristas conseguiram fazer cada uma das personagens serem diferentes de um jeito pessoal, pra você identificar e se identificar com cada uma delas.
Cada história levava á consequências com o passar do tempo, e algumas delas se intercalavam. Desde a situação nos estudos, com namoros, com questões do exército, com familiares, hobbys... Tudo foi bem pensado. Até nos mínimos detalhes.
E essa é uma característica da "série dos Replys" que eu mais gosto.

   Image result for reply 1994 gifs

image   image

A Comédia
Acho (ACHO!) que temos mais situações cômicas nesse drama do que no anterior. A comédia aparecia até quando não existia nenhuma situação propriamente dita, mas nas simples caras&bocas das personagens. Até quando os coitados se ferravam (e isso aconteceu bastante!), a gente não aguenta e ri. É tudo bem cômico.
Os pais da Na Jung - mais o pai, na verdade - também levam crédito nesse tópico, porque eles tentavam levar a vida numa boa, mesmo com a cada hora aparecendo um problema diferente.

   
   

O Companheirismo
Como todos moravam na mesma casa, as refeições, as conversas em frente á TV, a torcida nos jogos esportivos e os eventos comum, eram vividos por todos. A amizade foi um assunto bem importante também, mas acho que o que se destacou mais no drama foi o companheirismo mesmo (que é diferente).

   
   Image result for reply 1994 gifs

O Romance
Os casais são super fofos e infelizmente, tem triângulo (por conta daquele mistériozinho que ronda a "série dos Replys", sobre com quem a Na Jung se casou no fim das contas). E dá muita dó da parte que ficou pra "friendzone" (nada de spoilers!). O desenrolar do romance foi diferente para cada um (teve personagem que passou o drama inteiro se resolver, e teve personagem que desenvolveu o tomance em 3 episódios), então tem diversidade até nisso.


Image result for reply 1994 gifs

Músicas 
Pesquisando depois sobre a Ost do drama, descobri que a maioria foi tipo regravação de músicas dos anos 90, pra ficar de acordo com o contexto do drama, né? Mas tem algumas (acho) originais que marcaram presença e que são uma gracinha, cantadas até pelos próprios atores!

Star - Go Ara
Eu nunca tinha ouvido a Go Ara cantando e achei a voz dela linda. A música é um gracinha também.... A melodia do refrão fica na cabeça.



Feeling Only You - Jung Woo, Yoo Yeon Suk e Sohn Ho Jun
Surpresaaaa que os meninos cantam bem!! Quando ouvia, eu achava que seria algum grupo, sei lá. Quando descobri que eram eles, admito que fiquei chocada, feliz e mais chocada ainda, porque pelo visto os atores da Coréia são tipo os atores da Disney: fazem tudo hahaha
O refrão dessa música gruda que nem chiclete!


To You - Seo Taiji
A Yoon Jin era louca pelo Seo Taiji and Boys (não tanto como a Siwon de Reply 1997), e foi bem legal ele ter participado da Ost numa música linda que sempre tocava nos momentos mais tristinhos do drama.


Pontos Negativos
Casinha das Gifs Não sei se foi porque eu achei que a duração, tantos dos episódios quanto do drama num geral, de 'Reply 1997' foi tão boa, que quando eles resolveram mudar isso em 'Reply 1994', eu achei ruim. Foram episódios demais para uma coisa que dava pra ser resolvida lá pelo episódio 16 ou 17. Eles prolongaram sofrimento, sendo que podiam ter evitado certos acontecimentos.
Tem gente que acha esse Reply o melhor dos três.
Achei bom sim, me fez chorar, rir, surtar e etc, mas não chega aos pés do seu antecessor.

Casinha das Gifs Achei que algumas personagens mudaram da água pro vinho rápido demais numa certa parte do drama [SPOILER] Tipo a Yoon Jin. Ela era toda quietinha, anti-social, não falava NADA. Aí de repente ela vira "normal", arranja namorado.... [SPOILER]. Já que teve tanto episódio, podiam ter desenvolvido isso melhor pra não causar estranhamento.

Classificação: ***1/2 (muito bom).

Image result for reply 1994 gifs

O assunto do primeiro amor é bem abordado no drama, independente da idade das personagens, e o fato dos atores que fazem os pais da Na Jung serem os mesmos que fizeram os pais da Siwon em 'Reply 1997', deixou tudo meio estranho começo, mas depois a gente se acostuma.
E lógico, o barulho do bode em todas as situações idiotas/engraçadas/foras é uma das melhores partes do drama.

Bom, agora vai demorar pra ter a última resenha dessa série, porque os fansubs estão paralizados (parem de espalhar links pela internet!!), e não parece que a Netflix vai colocar em seu catálogo tão cedo.


Até o próximo post!
Bjs!
Copyright © 2014 | Design e Código: Amanda Salinas | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo